Arrabães, Cidade da Cobra

APL 1701

Arrabães é a aldeia mais populosa e de maior dimensão de Torgueda. É chamada a cidade da cobra.
 Recordo-me, quando era miúda, e me apresentava em Bila Real ou noutro lado qualquer e me perguntabam donde eu era, as pessoas diziam:
 - Ai então és da terra da cobra, da Cidade da Cobra!
 Isto é uma curiosidade, porque se conta, e nós temos em Arrabães uma figura proeminente, que já faleceu, que era o capitão Botelho da Costa, que foi comandante na G.N.R e ele fazia questão que isto se transmitisse às gerações mais novas, para que não se perdesse. Ele foi também o impulsionador da criação do Rancho Folclórico e do Centro Cultural e talvez tivesse influenciado a gravação da figura da cobra na bandeira que representa o Rancho Folclórico.
 O que se consta é que, em tempos imemoriais, do rio Sordo, que atravessa Arrabães, saiu do rio uma cobra enorme. Foi numa altura em que o Verão foi escaldante. O rio secou e a cobra tinha sede e saiu do leito do rio para vir à procura d’água. Saiu, então, do rio, subiu as encostas na periferia da ponte e beio pela estrada fora, na altura seria caminho, e beio beber a uma fonte que existe a uma distância sensibelmente de 200/300 metros.
Pois, a dita cobra estaba a beber na fonte e ainda tinha o rabo dentro do rio! Portanto calcula-se a dimensão dela e, como tal, a sua grossura.
 Isso debe ter sido apreciado e bisto pelos residentes, que foram transmitindo de geração em geração esta história.

Source AA. VV., - Literatura da tradição oral do concelho de Vila Real s/l, UTAD / Centro de Estudos de Letras (Projecto: Estudos de Produção Literária Transmontano-duriense),

Place of collection Torgueda, VILA REAL, VILA REAL

InformantElisabete Matos (F), 62 y.o., Torgueda (VILA REAL) VILA REAL,

Narrative

When XX Century, 90s

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications