As alminhas penadas

APL 1720

Há um costume de todos os domingos, calhando a cada casa de família, ia-se com uma cesta ou com um saco de porta em porta pedir esmola p’ra missa das almas.
Dizia-se antigamente que se via de noite luzinhas que percorriam a aldeia ou alguma rua especial ou até uma capelinha. E então as pessoas imaginaram que eram as almas do purgatório que precisavam de orações e era uma chamada de atenção para que as pessoas rezassem por elas, fizessem alguma coisa por elas. E então, começaram a fazer isso: uma missa cada semana de propósito para as almas do purgatório. Então a partir daí as luzinhas deixaram de se ver.

Source AA. VV., - Literatura da tradição oral do concelho de Vila Real s/l, UTAD / Centro de Estudos de Letras (Projecto: Estudos de Produção Literária Transmontano-duriense),

Place of collection Mouçós, VILA REAL, VILA REAL

InformantIrene (F), 65 y.o., Mouçós (VILA REAL) VILA REAL,

Narrative

When XX Century, 90s

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications