A Lenda das Amendoeiras

APL 1784

Era uma vez um rei que vivia numa terra muito quente. Cresciam lá muitas árvores de fruto, sobretudo figueiras e amendoeiras. Chamava-se Algarve essa terra. Do rei que a governava não se sabe o nome; só dizem que era um rei árabe.
 Um dia, os seus guerreiros trouxeram de um país do Norte, onde se vivia meses e meses rodeado de neve uma princesa muito bonita. Ela ficou muito triste, com saudades dos seus pais e também da neve, que era o encanto da sua terra. O rei árabe fazia lindas festas para a distrair, oferecia-lhe vestidos e jóias para lhe agradar. Mas ela continuava sempre triste, sem um sorriso.
 Até que certa manhã, a princesa chegou a uma janela. Na sua frente as árvores estavam brancas, branquinhas como se tivesse caído, de noite, uma camada de neve.
 A princesa bateu palmas de alegria. A sua querida neve!
 Não era. Eram amendoeiras em flor. Mas aquela beleza durou bastante para que a princesa do Norte se habituasse aos encantos da terra algarvia.
 E lá ficou a viver para sempre, muito feliz.

Source AA. VV., - Tradição Popular Algarvia Faro, Direcção Geral de Educação de Adultos, s/d , p.Lendas

Place of collection Olhão, OLHÃO, FARO

Narrative

When XX Century,

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications