[Menino dos Olhos Grandes]

APL 1800

Quando os homens iam para o mar, dantes, quando havia menos condições e morriam muitos pescadores afogados, as mulheres e os velhos diziam sempre isto:
«Os pescadores, quando iam para o mar, aparecia-lhes sempre um menino ao pé do barco, ali a morrer afogado, e esse menino, os pescadores punham dentro do barco. Quando os pescadores o punham dentro do barco, o menino começava a chorar, e a chorar, e a chorar... Os olhos iam inchando muito e era as lágrimas desse menino que ia afundar o barco. O barco ia ao fundo de tanta água, que era as lágrimas do menino.»
E as mulheres costumavam dizer essa história quando algum pescador morria afogado, ou um barco ia ao fundo. Era a história que elas diziam. Foi contada cá em Olhão. É a história do Menino dos Olhos Grandes.

Source AA. VV., - Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas) Faro, n/a,

Year1998

Place of collection Olhão, OLHÃO, FARO

CollectorCarla Marques (F)

InformantAntónio Silva (M), 42 y.o., Olhão (OLHÃO) FARO,

Narrative

When XX Century,

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications