Lenda das pegas

APL 1854

Não sei se sabe as pegas gostam muito de mexer em qualquer coisa que reluza… Elas gostam muito de mexer, e a Rainha Santa Mafalda também as amaldiçoou. Ainda há pouco tempo é que elas começaram a vir aqui.
 Havia, pois, ela como freira, estava a uma janela sentada a bordar. E um dia, levantou-se, deixou... pousou o bordado e pousou o dedal em cima do bordado. Pousou o dedal em cima do bordado e foi fazer qualquer coisa que precisava. Quando chegou o dedal não estava lá, o dedal não estava lá. Foram inquirir às outras irmãs aqui, ali e acolá, ver realmente o que é que se passava; não conseguiram encontrar.
 Só muito mais tarde é que uma pessoa qualquer que andou a fazer obras aqui, isto diziam que se passou aqui no convento, que encontraram o dedal que a pega que tinha levado para o ninho. Tinha feito um ninho na beira do convento e levou o dedal.
 A Rainha Santa Mafalda também amaldiçoou as pegas.
 E isso é verdade que há muito pouco tempo, há poucos anos, é que elas se vêem de lá de baixo do Santo António para cima que não se viam as pegas também.

Source AA. VV., - Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas) Faro, n/a, , p.TSM, Cd 8, faixa 36

Year2005

Place of collection Arouca, AROUCA, AVEIRO

CollectorAna Azevedo (F)

InformantEmília Saavedra (F), 64 y.o., born at Arouca (AROUCA) AVEIRO,

Narrative

When XX Century,

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications