A lenda do vinho (outra versão)

APL 1044

Reza a lenda que um emigrante, tendo ido trabalhar para outras terras, resolveu trazer um pé de videira para o nosso país. Mas como não tinha com que o transportar sem que ele definhasse, meteu-o dentro de um osso de galo com um pouco de terra.
Como o caminho era longo, o pé de videira foi crescendo e ele teve de trocar o osso de galo por um de leão. E assim continuou a viagem de regresso.
Mas a videira continuava a crescer e o osso teve novamente de ser trocado por um osso de burro, pois já não cabia no outro. Logo que chegou a Portugal, tratou de plantar a videira.
É por isso que dizem que, quem bebe um pouco de vinho, canta que nem um galo; quem bebe um pouco mais, ruge como um leão; e quem bebe muito, fica tolo como um burro.

Source AA. VV., - Literatura Portuguesa de Tradição Oral s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , p.L14

Year2000

Place of collection-, AVEIRO, AVEIRO

CollectorGraça Godinho (F)

InformantEmília Godinho (F), - (AVEIRO) AVEIRO,

Narrative

When XX Century, 90s

BeliefUnsure / Uncommitted

Classifications