A Lavadeira

APL 2559

A história que eu conheço é, no Alentejo, no lado da Trindade havia uma ribeira. E então lá uma senhora gostava muito de ir lavar no dia sexta-feira santa. Na tarde, não se lava! Diz que não se lava, não se bate a água…a roupa na pedra. E então a senhora fazia pouco dessas coisas, que amigas e vizinhas lhe diziam. E ela para ser teimosa, foi lavar sexta-feira santa, e onde a roupa foi pela água abaixo. Pela ribeira abaixo, dentro de água. Ela foi para apanhar a roupa, lá foi pela ribeira abaixo dentro de água. E então já as amigas ainda ficaram mais…com mais fé. E querem se crer nessas coisas. Mas que eu não vi! Hã! Eu não vi!
Mas por norma foi verdade! Na sexta-feira santa. A gente deve respeitar essas coisas da fé, de Deus.

Fonte Biblio AA. VV., - Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas) Faro, n/a,

Ano2008

Place of collection Trindade, BEJA, BEJA

ColectorHelder Macário (M)

InformanteVitalina Pires dos Santos (F), 81 y.o., born at - (FARO) FARO,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications