[A Rapariga que pede boleia]

APL 2549

Na estrada 125 de Olhão “pa” Faro que aparecia uma pessoa a pedir boleia, aparecia uma miúda ou uma jovem a pedir boleia, quem desse boleia a ela no caminho tinha um acidente e morria, mas montes de gente morreu ali, até que houve um que “nã” morreu e contou a história. E a partir daí houve montes de gente que começaram a ver aquela pessoa, a mesma pessoa a pedir boleia.

Fonte Biblio AA. VV., - Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas) Faro, n/a,

Ano2007

Place of collection Olhão, OLHÃO, FARO

ColectorCarla Ramires (F)

InformanteSr. Augusto (M), Olhão (OLHÃO) FARO,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications