As pias dos mouros de Argeriz

APL 3719

Perto de Argeriz, no concelho de Valpaços, há um sítio, onde se vêem duas pias, a que os antigos chamam “Pias dos Mouros”. Há também lá umas escadas já muito deterioradas que dão acesso a uns subterrâneos que era onde os mouros viviam.
    Os antigos dizem que o local está encantado. E conta-se que certo pastor, quando foi para lá com o gado, numa altura do ano em que já não havia figos, encontrou um ror deles a secar. Meteu então uns poucos no bolso e seguiu.
    Quando chegou a casa os figos que trazia no bolso tinham-se convertido em moedas de ouro. Ficou todo contente e foi logo contar aos vizinhos. E também lhes contou como tinha encontrado os figos.
    Ora, outro pastor, ao ouvi-lo contar tal, e como também conhecia o sítio, foi logo lá para apanhar o resto dos figos. Mas enganou-se. No lugar dos figos encontrou cagalhões de burro. Ficou por isso todo zangado e acusou o outro de andar a mentir.
    Este então, para provar que não mentia, meteu as mãos no bolso do casaco, à procura das moedas de ouro para as mostrar. E nas mãos, o que é que lhe aparece? Já se está a ver: outro monte de cagalhões.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , p.342

Ano2000

Place of collection Algeriz, VALPAÇOS, VILA REAL

InformanteIlda Queiroga (F), 79 y.o.,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications