Capela da Senhora do Tojo

APL 2989

Antigamente, na freguesia do Souto, andava um rapaz a guardar as suas ovelhas. Enquanto por ali andava reparou que debaixo de um tojo estava qualquer coisa. Aproximou-se e viu uma figura de senhora muito bonita. Pegou nela e levou-a para casa. Ao chegar a casa correu para a mãe, dizendo:
— Olhe que boneca que eu encontrei!
A mãe viu então que se tratava de uma imagem de Nossa Senhora. Pegou nela e foi guardá-la em segredo numa arca, não fosse alguém roubá-la. No entanto, apesar do cuidado verificou que, no outro dia, a imagem tinha desaparecido.
Ficou cheia de pena e foi contar ao filho que, muito triste, lá foi novamente para o campo com as ovelhas. Passou pelo local onde tinha andado no dia anterior e, cheio de pena, olhou para o tojo, e qual não foi o seu espanto: a imagem de Nossa Senhora lá estava novamente escondida no tojo.
O rapaz correu à aldeia para avisar do sucedido. A notícia espalhou-se e foi então que a população resolveu fazer no local uma capela em homenagem à imagem que teimava em aparecer naquele sítio.
A capela fez-se e no seu interior foi guardado o tojo, que lá continua a perpetuar a memória do acontecimento.

Fonte Biblio JANA, Isilda Histórias à Lareira Abrantes, Palha de Abrantes, 1997 , p.72

Ano1996

Place of collection Souto, ABRANTES, SANTARÉM

ColectorNatália Teodoro (F)

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications