Foge Mouro

APL 3663

Abaixo de Pisões, concelho de Montalegre, no tempo dos mouros, estes estavam acampados na borda do rio Rabagão, e o povo, quer de um lado, quer do outro, queria-os expulsar dali para fora. Só que eles faziam força e não saíam.
    Então o povo resolveu juntar as cabras todas e pôs em cada uma delas uma vela em cada corno, assim como uns chocalhos ao pescoço. Depois, quando era meia-noite em ponto, o povo mandou as cabras à frente, com grande barulho, e foi atrás.
    Os mouros, com medo às luzes e ao ruído, e julgando que vinha ali um grande exército, fugiram deixando tudo quanto tinham. O lugar passou, por isso, a chamar-se “Foge Mouro”.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , p.304

Ano2000

Place of collection Salto, MONTALEGRE, VILA REAL

InformanteJúlio César Fernandes (M), 80 y.o.,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications