Gruta com feitio de Mesquita

APL 3742

Por espaço de meio quarto de légua, vai este rio (Sordo) [na freguesia de Torgueda, concelho de Vila Real] por baixo da terra, sem que se veja água alguma, e por isso se chama Sordo. Este sítio, onde o rio se oculta aos olhos por baixo da terra, é medonho e foi habitado dos mouros, onde tinham mesquita e grandes salas por baixo de uma penedia quase inacessível e muito despenhada. Ainda hoje se vê a entrada patente, e muitas pessoas arrojadas e ambiciosas têm entrado naquela profundidade com a ambição de buscar tesouros, e muitas outras só por curiosidade de ver e averiguar a disposição daquelas cavernas, que dizem ser algumas o pavimento de pedra lavrada e outras terem abóbada fechada em arcos da mesma pedraria, mas todos padecem grandes temores e medos, porque, dizem, vêm lá figuras armadas ou diabólicas, que os assombram e impedem de passarem alguns lugares que também desejam ver.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , p.358

Ano1903

Place of collection Torgueda, VILA REAL, VILA REAL

ColectorPedro Azevedo (M)

Narrativa

When XIX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications