Lenda da Moura

APL 830

Uma vez, uma moura estava sentada numa fraga a pentear-se com um pente
de ouro. Andavam por ali os pastores e punham-se a olhar para ela. Ela perguntava:
 — Qual é o mais bonito, é o meu cabelo ou o meu pente?
 — É o seu pente!
 — Ai o que perdeste! Se dissesses que era o meu cabelo ficavas rico para a
vida toda.
 Assim, não lhe deu nada.

Fonte Biblio VILHENA, M. Assunção Gentes da Beira Baixa Lisboa, Colibri, 1995 , p.99

Place of collection-, PROENÇA-A-NOVA, CASTELO BRANCO

InformanteJúlia Dias (F), 78 y.o., - (PROENÇA-A-NOVA) CASTELO BRANCO,

Narrativa

When XX Century, 90s

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications