Lenda da Nossa Senhora do Tojo

APL 2015

Portanto, Nossa Senhora do Tojo num período de seca, em que já não chovia há muito tempo, os pastores tinham dificuldades em dar comida ás ovelhas porque não encontravam verdura, não encontravam pasto para alimentar as ovelhas.
Um pastor decidiu arriscar e passear um pouco as ovelhas. Enquanto passeava num cabeço encontrou um tojo muito verdejante que se distinguia de todas as outras plantas secas que se encontravam à volta. As ovelhas viram a planta e foram logo a correr para come-la, mas mal chegaram lá voltaram para trás a espirrar, vinham assim meio confusas e nenhuma comeu a planta. O pastor achou estranho, foi lá ver o que a planta tinha de tão especial e encontrou uma boneca. Muito admirado com o seu achado, pega na boneca, mete-a na sacola e leva-a para mostrar ao patrão dele, que é o dono das ovelhas. Quando chega lá a boneca tinha desaparecido. Muito confuso o pastor volta lá nesse mesmo dia e encontra a boneca no meio desse mesmo tojo. Agarra na boneca e desta vez ata a boneca ao braço, para a boneca não desaparecer. Leva outra vez ao patrão e boneca tinha desaparecido. Ele no outro dia, volta outra vez ao pé desse tojo e quando olha para a boneca mais atentamente e parece-lhe ter a imagem da Virgem Maria. Então ele interpretou talvez essa imagem como uma aparição da Nossa Senhora de Fátima. A partir daí dedica a esse tojo uma devoção especial, vai lá rezar, vai cuidar desse tojo: era um segredo dele. Inevitavelmente acaba por se tornar noticia na aldeia, onde tudo se sabe, já que é um meio pequeno e toda a gente passa a visitar esse local para ver a tal boneca. A boneca acabou por desaparecer, mas a população da aldeia acabou por fazer nesse mesmo sítio onde se encontrava o tojo, uma capela que passou a ser, a capela da Nossa Senhora do Tojo.

Fonte Biblio AA. VV., - Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas) Faro, n/a,

Ano2006

Place of collection Souto, ABRANTES, SANTARÉM

ColectorPaulo Mesquita (M)

InformanteDavide Rodrigues (M), 18 y.o., born at Abrantes (São João) (ABRANTES) SANTARÉM,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications