Lenda da origem de Ribeirinha

APL 3174

Havia uma aldeia muito antiga de nome Serzeda, onde viviam pessoas que aí formaram casas de pedra e palha. Mas nasciam as crianças e logo apareciam comidas e mordidas. Os pais, aflitos, resolveram verificar e descobriram que quem comia e mordia as crianças eram formigas grandes. Resolveram matá-las, mas não conseguiram nada. Elas continuavam a aparecer à mesma no meio das crianças comidas.
Então resolveram, todos unidos, sair de lá. Instalaram-se entre Vilas Boas e a Ribeirinha que é hoje. Aí, mais tarde, também apareceram os romanos, que eram atacados por lobos, raposas e outros bichos. Então resolveram descer para perto do rio, o rio Tua, e baptizaram o lugar como o nome de Ribeirinha. Nasceu assim a aldeia com este nome por estar perto do rio.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre Património Imaterial do Douro (Narrações Orais), Vol. 2 Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2010 , p.293

Ano2004

Place of collection Vilas Boas, VILA FLOR, BRAGANÇA

InformanteAugusta de Jesus Valentim (F), 71 y.o.,

Narrativa

When

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications