Lenda da Pala das Moças

APL 507

Conta-se em Agrochão que hoube uma guerra em que os soldados arrombabam as portas das adegas, abriam as torneiras das pipas de binho, deitabam fora tudo o que o agricultor tinha e pisando-o, em seguida, com os cabalos.
 Habia duas raparigas que fugiram daquela barbárie, para um lugar chamado Recta do Grilo. Nesse lugar habia uma fraga que tinha a forma de casa (casarelha). Entraram, agarraram-se uma à outra e morreram porque não tinham o que comer. A essa fraga ficou a chamar-se Pala das Moças.

Fonte Biblio FERNANDES, Celina Maria Busto Ecos do Passado, Vozes do Presente n/a, Sons da Terra, 2001 , p.130

Place of collection Agrochão, VINHAIS, BRAGANÇA

InformanteCacilda dos Anjos Morais (F), 95 y.o., Agrochão (VINHAIS) BRAGANÇA,

Narrativa

When XXI Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications