Lenda de S. Cristóvão

APL 239

Cristóvão é padroeiro da freguesia de Mafamude. Nasceu na Síria no séc. II e, desde jovem, entregou-se ao cristianismo de alma e coração.
 Era dotado de grande força e consta que se empregava a ajudar os cristãos na travessia de um afluente do Eufrates, correndo muitos riscos. S. Cristóvão foi canonizado com o nome de Cristóforos (quer dizer: que conduziu Cristo).
 Criou-se à sua volta uma lenda que o povo vai transmitindo.
 Diz-se que um dia lhe apareceu um menino pedindo para que ele o passasse para a margem oposta, afirmando ao mesmo tempo que depois o Senhor o compensaria com largueza.
 O santo pegou na criança ao colo e, como de tantas outras vezes, meteu-se à água para transpor o rio.
 Mas, a meio do percurso, notou que o menino era muito pesado, o que não acontecia com as pessoas adultas que estava acostumado a conduzir.
 Ficou então atemorizado e em grande receio de não poder levar ao fim o que prometera. Aflito, fez uma oração a Deus e ganhou novas forças.
Acabou por fazer a travessia com êxito e, já muito cansado, parou na margem afirmando que jamais transportara um menino tão pesado.
 E, o menino, sorrindo-lhe, esclareceu: — trouxeste comigo ao colo todo o peso do mundo.
 S. Cristóvão ficou surpreendido e extasiado em face daquela revelação. Viu, então, que um facho de luz inundou a cabeça daquele menino que, num encanto sobrenatural, se alçou no espaço suavissímamente, subindo para o céu.

Fonte Biblio VALLE, Carlos Revista de Etnografia 26, Tradições Populares de Vila Nova de Gaia - Narrações Lendárias Porto, Junta Distrital do Porto, 1969 , p.429-430

Place of collection Mafamude, VILA NOVA DE GAIA, PORTO

Narrativa

When XX Century, 60s

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications