Lenda de Santa Maria Adelaide (B)

APL 731

Sempre ouvi dizer que esta Santa em Vida foi muito mal tratada pelo homem. E que depois de estar sepultada mais de sete anos, o cunhado, que era o coveiro, ao abrir a cova para enterrar lá outro familiar, viu que a mulher estava em carne viva. Chamou então lá o homem dela, e conta-se que ele foi lá com um sacho e que lhe disse:
  — Ó grande p..., ainda aí estás?
 E deu-lhe com o sacho. Foi assim que ouvi.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre Património Imaterial do Douro - Narrações Orais (contos, lendas, mitos) Vol. 1 Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2007 , p.133-134

Place of collection Barcos, TABUAÇO, VISEU

ColectorAlexandre Parafita (M)

InformanteSerafim dos Santos Aguiar (M), 82 y.o., Barcos (TABUAÇO) VISEU,

Narrativa

When XXI Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications