Lenda de São Julião

APL 1683

Era uma vez um senhor que andava a passear nas rochas, junto ao mar. De repente, deu-se um tremor de terra, abrindo-se a terra a seus pés. O senhor na aflição disse:
 — Valha-me São Julião!
 Ao dizer aquilo, o cajado que segurava nas mãos, atravessou-se entre as duas paredes das rochas, tendo-lhe dado a oportunidade de se segurar e de se salvar.
 Assim, o local ficou a ser conhecido pelo nome de São Julião.

Fonte Biblio FANHA, Maria João Novo subsídio para o lendário mafrense Mafra, Câmara Municipal de Mafra, 2000 , p.218

Ano1999

Place of collection Carvoeira, MAFRA, LISBOA

ColectorSara Alexandra Curto (F)

InformanteTeresa Curto (F), 51 y.o.,

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications