O “encanto” da casa enterrada

APL 22

Alguém sonhou que havia uma casa debaixo da terra, no lugar dos Vales, Granja Nova. Ficou com tanta vontade de ver se o sonho era verdade que foi lá cavar e conseguiu, então, encontrar uma casinha. Havia lá panelas de barro, garfos, colheres e pratos com desenhos. Estava tudo defumado.
 Não se entrava directamente para a casa. Os mouros entravam por uma espécie de mina empedrada, ainda bastante comprida.
 O homem sonhara que havia uma panela com libras, mas a que encontrou com alguma coisa só tinha carvões. Desinteressou-se da casa enterrada. As pessoas deram em lá ir e destruíram tudo.
 A panela tinha carvões e não libras, porque o homem devia ter ido ao local sem contar nada sobre o sonho.
 

Fonte Biblio CAMPOS, Beatriz C. D. Tarouca, Folclore e Linguística Tarouca, Câmara Municipal de Tarouca / Escola Preparatória de Tarouca, 1985 , p.16

Place of collection Granja Nova, TAROUCA, VISEU

InformanteAntónio de Oliveira Santos (M), Granja Nova (TAROUCA) VISEU,

Narrativa

When XX Century, 80s

CrençaSome Belief

Classifications