O lobisomem

APL 1725

Em Bisalhães, habia lá um home que tinha lá uma poça munto grande, eram consortes. Despois dezia que binha lá o lobisomem a cabalo num cabalo e ia lá co rabo. O lobisomem tinha um rabo e ia lá à noite furar a poça co rabo.
Um dia o dono esperou lá. Quando ele binha para lhe furar a poça, deu-lhe uma berdoada e ficou um homem incoiro e diz que num era de cá. Era de longe, munto longe…

Fonte Biblio AA. VV., - Literatura da tradição oral do concelho de Vila Real s/l, UTAD / Centro de Estudos de Letras (Projecto: Estudos de Produção Literária Transmontano-duriense),

Place of collection Parada De Cunhos, VILA REAL, VILA REAL

InformanteIdalina Pereira Silva (F), 80 y.o., Parada De Cunhos (VILA REAL) VILA REAL,

Narrativa

When XX Century, 90s

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications