O Nome de Mafra

APL 3052

Certo dia o diabo passou por Mafra, mas sentindo o seu clima pouco agradável não se demorou e seguiu até à Paz. Encontrando aí uma temperatura mais amena, voltou-se para trás e exclamou:
    - Tu és Má e Fria! Má e Fria!
    Desde esse dia começaram a chamar-lhe Mafria e com o andar dos tempos passou a ser Mafra.

Fonte Biblio CAETANO, Amélia "Lendário Mafrense" in Boletim Cultural '93 Mafra, Câmara Municipal de Mafra, 1994 , p.264

Place of collection Mafra, MAFRA, LISBOA

ColectorMaria Laura Costa (F)

Narrativa

When

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications