[O tesouro, a moura e o diabo]

APL 3617

Nos Eivados, concelho de Mirandela, arrancaram uma oliveira por sonharem com um tesouro debaixo dela. Depois de muito ler no Livro de São Cipriano e de muito cavar, apareceu a moura e também o diabo, que ninguém aguentou pé firme, e por isso todos arrebatados por grande vendaval foram projectados a grandes distâncias, ficando o tesouro encantado como estava.

Fonte Biblio PARAFITA, Alexandre A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , p.273

Ano1934

Place of collection-, MIRANDELA, BRAGANÇA

ColectorFrancisco Alves (M)

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications