Os Potes da Abóbeda

APL 2279

Entre o povo de São Vicente e a Horta da Cortina, há um sítio que lhe chamam a Abóbeda. Aí há dois potes enterrados: um tem uma tampa ou prato de estanho, com oiro em cima, e oiro tem o pote; o outro tem também uma tampa ou prato de estanho e em cima uma sardinha de oiro; este tem veneno. O sonho diz que felicidade terá quem atinar com o pote do dinheiro; se atinar a descobrir o do veneno morrerá, em sete léguas em redondeza, tudo. Já alguns se têm oposto a isto, mas sem resultado, porque têm medo.

Fonte Biblio VASCONCELLOS, J. Leite de Contos Populares e Lendas II Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , p.770

Place of collection São Vicente E Ventosa, ELVAS, PORTALEGRE

InformanteAntónio Tomás Pires (M),

Narrativa

When

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications