Pombal

APL 3393

Ignora-se a origem do nome Pombal. Diz-se que, quando D. Gualdim fundou o castello, havia aqui uns rochedos, habitação de grande numero de pombos, e que o mestre dos templarios, o denominou por isso – Castello do Pombal. A lenda porém diz que passando por aqui um rei (?) e vendo sobre as ameias do castello, duas pombas brancas, dissera – Formoso pombal! – e que lhe ficou o nome; mas isto não passa de uma d’aquellas muitas etymologias imaginadas pelo nosso povo. Ainda que a primeira versão seja mais verosimil, podemos afoitamente dizer, que não se sabe d’onde lhe provém o nome – se teve outro, ou se a povoação que existiu na Ladeira dos Governos, ou a dos Chões, já se chamavam Pombal.

Fonte Biblio PINHO LEAL, Augusto Soares d'Azevedo Barbosa de Portugal Antigo e Moderno Lisboa, Livraria Editora Tavares Cardoso & Irmão, 2006 [1873] , p.Tomo VII, p. 131

Place of collection Pombal, POMBAL, LEIRIA

Narrativa

When

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications