Ponte feita pelo diabo. Mãe do diabo, fiando e levando pedras

APL 1616

O diabo prometeu a um tal fazer-lhe uma ponte, com a condição de que ele lhe daria a primeira coisa que passasse por ela. Seria ele próprio. A mãe do diabo, fiando na roca, e acarretando pedras à cabeça, ajudava à construção. Um padre aconselhou o homem a rolar uma laranja pela ponte e a passar em seguida por ela, com um crucifixo na mão. A ponte é anónima.

Fonte Biblio SARMENTO, Francisco Martins Antígua, Tradições e Contos Populares Guimarães, Sociedade Martins Sarmento, 1998 , p.88

Place of collection-, COVILHÃ, CASTELO BRANCO

Narrativa

When XX Century,

CrençaUnsure / Uncommitted

Classifications