Enchanted Treasures

Results 76 thru 100
Page 4 of 14       < 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 >

APL 1927
[A moura da mina]

AZEVEDO, Ana, A Literatura Oral na Comunidade Emigrante Portuguesa em Montreal, Faro, Universidade do Algarve, 2002 , # 110
São Jorge Da Beira (COVILHÃ) CASTELO BRANCO

(Há um segundo tio meu, contou-me a esposa dele, a tia Piedade).
O marido encontrava muitas mouras.
 Um dia, uma moura disse-lhe à eira das casas para ele lhe dar um ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1690
A moura da poça da Rabela

AA. VV., -, Literatura da tradição oral do concelho de Vila Real, s/l, UTAD / Centro de Estudos de Letras (Projecto: Estudos de Produção Literária Transmontano-duriense),
Mateus (VILA REAL) VILA REAL

Havia uma moura na poça da Rabela, que é um sítio aqui pertinho da Raia, onde diziam que à meia-noite quem fosse lá àquela moura, todos os pedidos que lhe ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 3724
A moura das Fragas do Rugido

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 346-347
Assares (VILA FLOR) BRAGANÇA None [Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1583
A Moura de Alcoutim

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 203-204
Alcoutim (ALCOUTIM) FARO

Em um dos mais altos serros da freguesia de Alcoutim, a dois quilómetros de distância desta vila, nas margens do rio Guadiana, existem os vestígios de um ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 3759
A moura de Cidagonha

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 375
Moimenta (VINHAIS) BRAGANÇA None [Unsure / Uncommitted] [Citation/Quote]

APL 1585
A Moura de Giões

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 207-216
Giões (ALCOUTIM) FARO

Giões é sede de uma freguesia da mesma denominação, situada na serra do Algarve e pertencente ao concelho de Alcoutim. Entre os diversos sítios desta freguesia e os ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 911
A moura de lamas de vilarelho

FERREIRA, Joaquim Alves, Lendas e Contos Infantis , Vila Real, Edição do Autor, 1999 , 58-60
Mourilhe (MONTALEGRE) VILA REAL

Mourilhe é uma pequena povoação, sita na Terra Fria, perto da vila de Montalegre. O seu nome já faz lembrar a presença de mouros e deixa antever a exist ...

[Unsure / Uncommitted] [Ludic written text]

APL 1575
[A Moura de Milreu]

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 158-161, cap.XVI
Estoi (FARO) FARO
Motifs: F721.5.1., F222.1., F234.1.7., Q451.7., Q571.2.,

[...] apurei a seguinte [lenda] que me foi transmitida por um cavalheiro de S. Brás de Alportel.

 

 Haverá uns cento e quinze anos, residia em S. Brás de Alportel ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 691
A Moura de Milreu

CHAVES, Luis, Lendas de Portugal: Contos de Mouras Encantadas, Lisbon, Livraria Universal, 1924 , 136-146
Estoi (FARO) FARO

Certo almocreve ronceiro ia de Faro para S. Brás de Alportel, recolhendo a casa de sua residencia. Passava a Milreu e encontrou-se com a moura, que, diziam os medrosos ...

[Unsure / Uncommitted] [Ludic written text]

APL 2286
[A Moura de Penafiel]

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 792
Penafiel (PENAFIEL) PORTO None [Unsure / Uncommitted] [Memory transcription]

APL 618
A moura de Penascrita

SOUSA, Arlindo de, Umica, Aveiro, Separata de Arquivo do Distrito de Aveiro, vol. XX, 1954 , 53
Vilar De Perdizes (São Miguel) (MONTALEGRE) VILA REAL

Em Penascrita, Vilar de Perdizes, Montalegre, onde há vários penedos, entre eles um com uma inscrição, aparecem, de longe a longe, mouras a estenderem o ouro ao sol ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 1588
A Moura de Pêra

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 229-230
Pêra (SILVES) FARO

Pêra é bonita povoação, situada à esquerda da estrada distrital de Faro para Lagos, em lugar um pouco elevado. Antes de 1683 esteve Pêra anexada à freguesia de Alcantarilha: foi ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 1584
A Moura de Vaqueiros

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 205-206
Vaqueiros (ALCOUTIM) FARO

Vaqueiros é uma pequena povoação, situada, em serra áspera, sobre um monte, rodeado de outros mais altos.

[...]

Próximo do monte do Zambujal, a uns trezentos metros, e também ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 1581
[A Moura de Vaz Varela]

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 183-192, cap.XXIII
- (TAVIRA) FARO
Motifs: F721.5.1.,

Era no ano de 1249 e tinha começado já a conquista dos Algarves; a hostia (hoste) portuguesa, comandada por D. Pelaio (Paio Peres Correia) tinha-se retirado do cerco de ...

[Some Belief] [Memory transcription]

APL 692
A Moura do Algoso

CHAVES, Luis, Lendas de Portugal: Contos de Mouras Encantadas, Lisbon, Livraria Universal, 1924 , 147-160
Algoso (VIMIOSO) BRAGANÇA

Terras trasmontanas, onde o chão, para melhor subir nas alturas do ceo, se ondeia, revolve, enovella em montes, até dar o salto mortal para as serranias enormes: ahi fica ...

[Unsure / Uncommitted] [Ludic written text]

APL 1570
A Moura do Ameixial

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 127-128
Ameixial (LOULÉ) FARO
Motifs: J240.,

O Ameixial é a sede de uma freguesia da mesma designação e está situado em serra fragosa e áspera.
 Diferentes designações em diversos sítios acusam a civilização ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 1126
A moura do pente de ouro

HENRIQUES, Francisco , Contos Populares e Lendas dos Cortelhões e dos Plingacheiros, Vila Velha de Rodao, Associação de Estudos do Alto Tejo, 2001 , 294-295
- (MAÇÃO) SANTARÉM

Este acontecimento passou-se no Vale Peniche, ao fundo do Covão do Pedro, com um pastor do senhor Careira, de Mesão Frio. Andava a guardar as cabras e encontrou ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 2933
[A Moura do Poço da Talha]

JANA, Isilda, Histórias à Lareira, Abrantes, Palha de Abrantes, 1997 , 9
Mouriscas (ABRANTES) SANTARÉM None [Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 3774
[A Moura do Rio Seco]

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, As Mouras Encantadas e os Encantamentos do Algarve, Loule, Notícias de Loulé, 1996 [1898] , 154-155
Faro (Sé) (FARO) FARO
Motifs: H1199.5.,

A gardener overhears conversation between Moorish maiden pleading with her father, before he throws and enchantment on her by throwing her in the river (Rio Seco). The father tells her ...

[Unsure / Uncommitted] [Scientific written text]

APL 3580
A moura do sítio das Colmeias

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 241
Vilarinho Das Paranheiras (CHAVES) VILA REAL None [Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1015
A moura e a vaca

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , ME9
- (VILA REAL) VILA REAL

Numa aldeia, havia um senhor que tinha uma vaca e punha-a sempre a pastar no seu prado. Mas certo dia, uma moura deu à luz um bebé e não tinha ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1750
[A moura encantada]

REIS, Elisabete Andrade, Uma viagem pela literatura oral de Maria do Carmo Martins, Faro, Universidade do Algarve, 2005 , Texto nº 25
Alte (LOULÉ) FARO

Duas raparigas foram à fonte, assim à noitinha. E, quando vinham de volta com as cantarinhas da água, e a primeira não viu, e a segunda viu uma esteira de figos ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 2579
A moura encantada

AA. VV., -, Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas), Faro, n/a,
Giões (ALCOUTIM) FARO None [Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1013
A moura encantada

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , ME1
Semelhe (BRAGA) BRAGA

Todas as manhãs, uma mulher de cântaro à cabeça atravessava o Monte das Caldas para levar o leite ao posto. Era de uma família pobre e trabalhava ...

[Unsure / Uncommitted] [Oral transcription]

APL 1206
A moura encantada

MARTINS, Pe. Firmino, Folklore do Concelho de Vinhais. Vol. 1, s/l, Câmara Municipal de Vinhais, 1987 [1928] , 277-278
- (VINHAIS) BRAGANÇA

Em todas as povoações da região, como de resto em quasi tôdas as da península, a imaginação popular vê a passagem dos mouros em todos ...

[Unsure / Uncommitted] [Ludic written text]


Results 76 thru 100
Page 4 of 14       < 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 >