Carência de Leite

Results 1 thru 25
Page 1 of 2       1 | 2 >

APL 563
A cabra e o seu leite

MOURA, José Carlos Duarte, Contos, Mitos e Lendas da Beira, Coimbra, A Mar Arte, 1996 , 18
Lardosa (CASTELO BRANCO) CASTELO BRANCO

Foi uma vez um pastor que estava no pasto com as suas cabras e dizem que passou uma bruxa e que lhe pediu para lhe dar um pouco de leite ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1027
A cesta de carvão

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , ME16
- (CHAVES) VILA REAL

Nos tempos que já lá vão, os pastores que andavam a apascentar os seus rebanhos na fonte do Mouro, perto do Lugar de Santa Bárbara em Ventuzelos, diziam ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 912
A cova da moira

FERREIRA, Joaquim Alves, Lendas e Contos Infantis , Vila Real, Edição do Autor, 1999 , 61-63
Mourilhe (MONTALEGRE) VILA REAL

No já referido lugar de Mourilhe do Concelho de Montalegre, conta-se também esta lenda, igualmente relacionada com a pastorícia.
 Havia naquela aldeia um pastor que levava diariamente para ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 269
A fonte das grades

AA. VV., -, Douro Litoral, 5ª Série, IX, n/a, s/ed., 1953 , 66
- (PAÇOS DE FERREIRA) PORTO

A ela iam as mourinhas da Citânia lavar a roupa.
 Numa ocasião, entregava-se a esse trabalho uma donairosa menina. A roupa lavada era posta a enxugar numas grades ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2260
A Lapa do Diabo

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 748
Valadares (MONÇÃO) VIANA DO CASTELO

A moira aparece pelos S. Juões, de 7 em 7 anos. Da cinta p’a riba é géinte e pra báixo é bicho (serpéinte segundo uns, ou cabra ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2282
[A Moira de Guifões]

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 784
Guifões (MATOSINHOS) PORTO

Uma vez andava uma rapariga a guardar uma vaca, e a vaca fugia-lhe todos os dias; a rapariga foi atrás dela e chegou a uma mina, onde ouviu uma ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 2259
A Moira de Mantil

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 747
- (LOURES) LISBOA

Uma vez uma rapariga andava a gòrdar um bando de cabras ao pé do Penedo do Gato. Abriu-se ali um penedo (outro) e apareceu-lhe uma moira que lhe disse ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2669
[A Moira do Pego das Pias]

AA. VV., -, Odemira, ano 1, nº 1, Odemira, Grupo de Estudos Arqueológicos e Etnográficos de Odemira , 1982
Vila Nova De Milfontes (ODEMIRA) BEJA

Estava uma lavradora dando de comer às vacas, e apareceu-lhe uma mulher que lhe disse:
- Bom dia vizinha.
- Vizinha? Mas eu não a conheço de lado nenhum!
- Saiba ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3532
[A moura, as palhas e o ouro]

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 208-209
- (BOTICAS) VILA REAL

A uma rapariguinha que levou as vacas a pastar ao Côto dos Mouros [em Vilarinho Seco, concelho de Boticas] apareceu-lhe um moura. Chegou-se à fala com um pucarinho na m ...

[Unsure / Uncommitted] [Citação]

APL 1015
A moura e a vaca

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , ME9
- (VILA REAL) VILA REAL

Numa aldeia, havia um senhor que tinha uma vaca e punha-a sempre a pastar no seu prado. Mas certo dia, uma moura deu à luz um bebé e não tinha ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 403
A Parteira

CUNHA, Jorge da, Criações do Génio Popular, Arruda dos Vinhos, Associação para a Recuperação do Património de Arruda, 1997 , 63-65
Arruda Dos Vinhos (ARRUDA DOS VINHOS) LISBOA
Types: 5070,

Dizem os velhotes que antigamente havia em Arruda dos Vinhos uma parteira diplomada paga pela Câmara e que tinha como obrigação assistir a todos os partos.
 Certa noite ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2277
As Mouras Encantadas do Outeiro do Murado

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 766-767
Mozelos (SANTA MARIA DA FEIRA) AVEIRO


 Na freguesia de Mozelos, concelho da Feira, assenta uma pequena montanha, a que se atribui o célebre conto que passo a referir. Chama-se ela Outeiro do Murado.
 E tradi ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Científico]

APL 1014
A vaca encantada

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , ME2
Semelhe (BRAGA) BRAGA

Numa aldeia, um lavrador tinha uma vaca que começou a manifestar um comportamento muito estranho. Todas as noites dava pinotes dentro do estábulo, muava enfurecida e ninguém ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3629
A velha e o carvão

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 280
- (MIRANDELA) BRAGANÇA

Uma velhota de Vila Verdinho, concelho de Mirandela, andava um dia a guardar umas ovelhas num campo pegado à aldeia, quando lhe apareceram três mouras a pedirem-lhe um pouco de ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1624
Cova da Moura

SARMENTO, Francisco Martins, Antígua, Tradições e Contos Populares, Guimarães, Sociedade Martins Sarmento, 1998 , 115
- (VILA NOVA DE CERVEIRA) VIANA DO CASTELO

Fica entre o rio (Minho) e o baluarte de Novelhe (monte de Castro). Comunica, segundo a tradição, por um caminho subterrâneo com a Torre da Atalaia. Aí aparecia ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 1678
E a Moira Encantada?

GRAÇA, A. Santos, O Poveiro, Lisboa, Publicações Dom Quixote, 1998 [1932] , 80-81
Póvoa De Varzim (PÓVOA DE VARZIM) PORTO

«A Moira Encantada? Era ali no penedo do Coim. Por vezes aparecia no areal do lado de Martim Paz. Dava sinais luminosos e ouvia-se dizer que, se a desencantassem, daria ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 1670
Lapa do diabo

SARMENTO, Francisco Martins, Antígua, Tradições e Contos Populares, Guimarães, Sociedade Martins Sarmento, 1998 , 221
Valadares (BAIÃO) PORTO

De sete em sete anos aparece ali uma linda moura, mulher da cinta para cima; para baixo, bicho. Pediu uma vez a uma rapariga que a cortasse e lhe desse ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 3767
Lenda da Torca de Balmeão

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 382-383
Vilar De Peregrinos (VINHAIS) BRAGANÇA
Motivos: F321.1.,

Junto a um lameiro, no termo de Vilar de Peregrinos, concelho de Vinhais, há um lugar que o povo conhece como a Torca de Balmeão, onde passa um pequeno ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3666
Lenda de Parafita

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 306
Chã (MONTALEGRE) VILA REAL

Como era costume, no tempo de Verão o gado da casa do Branco, da aldeia de Parafita, concelho de Montalegre, ia para a Franjoseira e para o monte que ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3581
Lenda do Calhau da Moura

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 241-242
Arcossó (CHAVES) VILA REAL

Junto ao rio Tâmega e perto da aldeia de Arcossó, no concelho de Chaves, há uma fraga que é conhecida como o “Calhau da Moura”. E sobre ela o povo ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 906
O calhau da moira

FERREIRA, Joaquim Alves, Lendas e Contos Infantis , Vila Real, Edição do Autor, 1999 , 42-44
Arcossó (CHAVES) VILA REAL

Na aldeia de Arcossó, próxima da estância termal de Vidago e pertencente ao Concelho de Chaves, há, junto do Rio Tâmega, uma fraga chamada Calhau da Moita ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 150
O pastor e a cobra

GRAÇA, Natália Maria Lopes Nunes da, Formas do Sagrado e do Profano na Tradição Popular, Lisboa, Colibri, 2000 , 198
Margem (GAVIÃO) PORTALEGRE

Era uma vez um pastor qu’andava a guardar um rabanho d’ovelhas e de cabras. Quando era Verão, punha as ovelhas e as cabras arredear à sombra das árvores ...

[Some Belief] [Transcrição Oral]

APL 591
O pastor e a moura

MOURA, José Carlos Duarte, Contos, Mitos e Lendas da Beira, Coimbra, A Mar Arte, 1996 , 60
- (PROENÇA-A-NOVA) CASTELO BRANCO

Nas Corgas havia um pastor que costumava ir com as cabras para uma serra. E um dia andava lá com as cabras e apareceu-lhe uma mulher, e disse para ele ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 270
O penedo do sino

AA. VV., -, Douro Litoral, 5ª Série, IX, n/a, s/ed., 1953 , 66-67
- (PAÇOS DE FERREIRA) PORTO

A curta distância da Citânia, para os lados de Bustelo, viveu em recuados tempos um humilde guardador de gado que tinha na sua companhia uma única filha. Do ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 271
O penedo vazado

AA. VV., -, Douro Litoral, 5ª Série, IX, n/a, s/ed., 1953 , 68
Eiriz (PAÇOS DE FERREIRA) PORTO

Já se passaram alguns séculos quando isto teria acontecido...
 Um humilde lavrador de Eiris partira com o gado para as bandas da Citânia. Vigiando a vaca, as chibas ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]


Results 1 thru 25
Page 1 of 2       1 | 2 >