Topónimos

Results 1 thru 25
Page 1 of 21       1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 >

APL 2238
[A águia e a truta]

VASCONCELLOS, J. Leite de, Contos Populares e Lendas II, Coimbra, por ordem da universidade, 1966 , 660
Trute (MONÇÃO) VIANA DO CASTELO

Uma rainha de Aragão foi sentenciada à morte pelo rei seu marido, em virtude de uma intriga de criados. Sabedora da sorte que a esperava, disfarçou-se e fugiu. Foi-lhe ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 2343
A boca do inferno

AA. VV., -, Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas), Faro, n/a,
- (CASCAIS) LISBOA

Informante: Há muitos, muitos anos atrás, talvez séculos, havia um, ao pé do mar, uma zona que nós agora chamamos boca do inferno, e a boca do ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1042
A Bouça da Fada

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , L12
Gondim (MAIA) PORTO

Na freguesia de Santa Maria de Avioso, conta-se o seguinte:
Há muitos anos, um grupo de miúdos costumava brincar numa bouça. Um dia, os miúdos começaram ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1141
A Calva

HENRIQUES, Francisco , Contos Populares e Lendas dos Cortelhões e dos Plingacheiros, Vila Velha de Ródão, Associação de Estudos do Alto Tejo, 2001 , 311
- (PROENÇA-A-NOVA) CASTELO BRANCO

O sítio da Calva corresponde a um cabeço sobranceiro à aldeia de Murteira.
 Actualmente está florestado com eucaliptos. Este cabeço é referido na tradição local como local de ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3099
A capela do Diabo

PARAFITA, Alexandre, Património Imaterial do Douro (Narrações Orais), Vol. 2, Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2010 , 198
Pinhal Do Norte (CARRAZEDA DE ANSIÃES) BRAGANÇA

Próximo de Pinhal do Norte, num sítio chamado Rebentão, há umas fragas que formam o feitio de uma capela. É a “capela do Diabo”. O povo sempre lhe ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1107
A cobra do Vale do Cobrão

HENRIQUES, Francisco , Contos Populares e Lendas dos Cortelhões e dos Plingacheiros, Vila Velha de Ródão, Associação de Estudos do Alto Tejo, 2001 , 270
Vila Velha De Ródão (VILA VELHA DE RÓDÃO) CASTELO BRANCO

Antigamente aparecia aqui, no Vale do Cobrão, um grande bicho, uma cobra muito grande. Comia quantes animais havia e num havia por aqui, neste vale. Plantaram uma divisão ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3559
A Cortadura dos Mouros

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 227
Gimonde (BRAGANÇA) BRAGANÇA

No termo de Gimonde, no concelho de Bragança, há do lado direito do rio Sabor um cabeço com o nome de Monte Guieiro e que faz uma grande ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 671
A Cortiçada

DIAS, Jaime Lopes, Contos e Lendas da Beira, Coimbra, Alma Azul, 2002 , 99-100
Proença-A-Nova (PROENÇA-A-NOVA) CASTELO BRANCO

Proença-a-Nova, uma das doze vilas do Grão-Priorado do Crato, povoação muito antiga situada entre as ribeiras do Alvito e da Isna, do distrito de Castelo Branco, chamou-se ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 614
A Cova da Serpe

SOUSA, Arlindo de, Umica, Aveiro, Separata de Arquivo do Distrito de Aveiro, vol. XX, 1954 , 44
Fiães (SANTA MARIA DA FEIRA) AVEIRO

A Nascente do monte de Santa Maria de Fiães existe uma depressão alongada de terreno que o povo designa por Cova da serpe. Segundo a lenda popular, v ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Científico]

APL 387
A Cova do Gigante (1)

CUNHA, Jorge da, Criações do Génio Popular, Arruda dos Vinhos, Associação para a Recuperação do Património de Arruda, 1997 , 27-29
Arruda Dos Vinhos (ARRUDA DOS VINHOS) LISBOA

Canta o povo que há muito, muito tempo, deambulava pelos matagais e serras de Arruda dos Vinhos um severo gigante. Era tão grande como perverso e aterrorizava todas as ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 388
A Cova do Gigante (2)

CUNHA, Jorge da, Criações do Génio Popular, Arruda dos Vinhos, Associação para a Recuperação do Património de Arruda, 1997 , 30-31
Arruda Dos Vinhos (ARRUDA DOS VINHOS) LISBOA

Em Arruda dos Vinhos havia um gigante que aterrorizava as pessoas: comia todos os animais, pois era enorme e precisava de muito alimento.
 Isto não podia continuar!
 Mais dia ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3664
A Cova dos Maus

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 304-305
Salto (MONTALEGRE) VILA REAL

Há um sítio próximo da aldeia da Seara, no concelho de Montalegre, que é conhecido como a “Cova dos Maus”. Diz o povo que os mouros estiveram ali degradados ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 326
A-da-Rainha

MORGADO, Isabel, Viagens ao Imaginário, Torres Vedras, Centro de Formação das Escolas de Torres Vedras, 1999 , 38
- (TORRES VEDRAS) LISBOA

Tem esse nome porque era nos terrenos onde a rainha “morava”. Ela tinha lá uma quinta e as pessoas diziam que era ali a terra da rainha. Por isso, come ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 311
A-dos-Cunhados

MORGADO, Isabel, Viagens ao Imaginário, Torres Vedras, Centro de Formação das Escolas de Torres Vedras, 1999 , 33
A Dos Cunhados (TORRES VEDRAS) LISBOA

Nesta freguesia existiram apenas doze moradores. Eram duas famílias e três “sem eira nem beira”. As duas famílias tinham entre si laços familiares, visto que os ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2175
[A Dourada]

OLIVEIRA, Francisco Xavier d'Ataíde, A Monografia de Alvor, Faro, Algarve em Foco, 1993 [1907] , 203
Alvor (PORTIMÃO) FARO

Logo a seguir ao tremor de terra do primeiro de novembro de 1755, toda a gente, que se recolhera ao templo, sahiu fóra a presenciar os estragos occasionados pelo ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição de Memória]

APL 750
A estrela que fez espantar o cavalo

PARAFITA, Alexandre, Património Imaterial do Douro - Narrações Orais (contos, lendas, mitos) Vol. 1, Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2007 , 153
Paradela (TABUAÇO) VISEU

Antigamente, íamos buscar palha e lenha para a zona onde está a Eirinha do Pinhal e sentávamo-nos lá, naquela fraga, a descansar. Víamos então umas pegadas na ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 1133
A fonte boa de Sarnadas

HENRIQUES, Francisco , Contos Populares e Lendas dos Cortelhões e dos Plingacheiros, Vila Velha de Ródão, Associação de Estudos do Alto Tejo, 2001 , 303-304
Sarnadas De Ródão (VILA VELHA DE RÓDÃO) CASTELO BRANCO

Nas imediações desta aldeia ainda hoje se podem observar os restos de uma fossa que o povo diz ser noutros tempo a fonte d’aldeia. Logo que surgiram os ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 384
A fonte da barroquinha

CABRAL, João, Anais do Município de Leiria, Vol. III, Leiria, Câmara Municipal de Leiria, 1993 , 229
Maceira (LEIRIA) LEIRIA

Era uma vez... em dia já muito recuado na longura dos tempos, em pleno verão escaldante, o rei passava com sua corte ali junto a Maceira.
 O rei sentia ...

[Unsure / Uncommitted] [Citação]

APL 1054
A Fonte da Gralha

AA. VV., -, Literatura Portuguesa de Tradição Oral, s/l, Projecto Vercial - Univ. Trás -os-Montes e Alto Douro, 2003 , L25
Riba De Ave (VILA NOVA DE FAMALICÃO) BRAGA

Era uma vez um capitão da guerra que vivia numa grandiosa fortaleza. Estava acompanhado por um grupo de soldados, a sua mulher e um filho.
Todos os dias, como ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 607
A Fonte da Moira

SOUSA, Arlindo de, Origens Históricas e Filológicas de Expressão Popular, de Algumas Povoações e Locais., Lisboa, Revista de Portugal, 1961 , 481
Carvalheira (TERRAS DE BOURO) BRAGA

Em Vista Alegre, a meio caminho do rio, para o lado da Gafanha, fica a Fonte da Moira, cuja lenda é a seguinte:
 A laje, onde a bica está encravada, ocupa ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Científico]

APL 3158
A fonte dos mortos

PARAFITA, Alexandre, Património Imaterial do Douro (Narrações Orais), Vol. 2, Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2010 , 276
Vilarinho Das Azenhas (VILA FLOR) BRAGANÇA

Conta-se que no lugar hoje denominado de “igreja velha”, em Vilarinho das Azenhas, existiu noutros tempos uma igreja que servia o povo para as suas lides religiosas, e por isso ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 2494
A fonte do some dor

AA. VV., -, Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas), Faro, n/a,
- (AVIS) PORTALEGRE

Foi assim um homem que ia de S. Martinho para a Covada, e tinha que passar lá num sítio que se chamava a fonte do some dor, havia l ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3112
A Fraga das Bruxas

PARAFITA, Alexandre, Património Imaterial do Douro (Narrações Orais), Vol. 2, Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2010 , 215
Vilarinho Da Castanheira (CARRAZEDA DE ANSIÃES) BRAGANÇA

No termo de Pinhal do Douro [freguesia de Vilarinha da Castanheira], há um lugar que o povo identifica como a “Fraga das Bruxas”, onde, segunda a tradição, elas castumam ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 757
A Fraga do Tambor

PARAFITA, Alexandre, Património Imaterial do Douro - Narrações Orais (contos, lendas, mitos) Vol. 1, Peso da Régua, Fundação Museu do Douro, 2007 , 160
Sendim (TABUAÇO) VISEU

A meio da encosta da serra de Sendim, entre esta povoação e o Alto do Facho, encontra-se a Fraga do Tambor. Hoje já está meia destruída, mas era ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 537
A fundação da bondança e a lenda

CRUZ, Julio, Lendas Lafonenses, Vouzela, AVIZ / Clube de Ambiente e Património da Escola Secundária de Vouzela / ADRL, 1998 , 14
Manhouce (SÃO PEDRO DO SUL) VISEU

Bondança é uma pequena povoação da freguesia de Manhouce com 12 fogos e cerca de 58 habitantes situada numa fértil garganta entre a Serrinha (Outeiro do Cabrito) e ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]


Results 1 thru 25
Page 1 of 21       1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 >