Amores Trágicos

Results 1 thru 25
Page 1 of 4       1 | 2 | 3 | 4 >

APL 1475
Abrigada (Quinta de)

PINHO LEAL, Augusto Soares d'Azevedo Barbosa de, Portugal Antigo e Moderno, Lisboa, Livraria Editora Tavares Cardoso & Irmão, 2006 [1873] , tomo I, p. 22
Abrigada (ALENQUER) LISBOA

O sr. Gorjão descende de um nobre cavaleiro francez, chamado Jean Gorgeon, que roubando na França uma senhora casada, fugiu com ella para Portugal no reinado de D ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Científico]

APL 3717
A Fada d’El Rei

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 341
Santa Maria De Emeres (VALPAÇOS) VILA REAL

No lugar de Santa Maria de Émeres, do concelho de Valpaços, há uma propriedade que foi pertença de El Rei e por isso ainda hoje o local se ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3226
A Lenda da Faiopa

FIGUEIREDO, José Francisco, Monografia de Nisa, Lisboa, Câmara Municipal de Nisa, 1989 , 287-288
- (NISA) PORTALEGRE

Defrontavam-se nas duas margens do Tejo —  reza a tradição —  dois castelos, ali postos para domínio e guarda de terras, cujos senhores militavam em campos adversos: um, defensor do ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3640
A lenda da fraga do Poio

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 289
Brunhoso (MOGADOURO) BRAGANÇA

A certa distância da aldeia de Brunhoso, concelho de Mogadouro, no caminho do Poio, existe uma grande fraga redonda, com uma grande rachadela, e que é chamada a Fraga da ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 344
A lenda de Rio Tinto

S/A, ., Lendas de Gondomar, Gondomar, Câmara Municipal de Gondomar, 1995 , 15-17
Rio Tinto (GONDOMAR) PORTO

Diz a lenda que o rio ficou tinto de sangue tantos eram os corpos golpeados e caídos nas suas águas. Tinha-se travado uma brava luta entre grupos cristãos ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3551
A lenda do Conde de Ariães

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 218-220
Castro De Avelãs (BRAGANÇA) BRAGANÇA

Havia antigamente um castelo, numas terras de campo, além ao descer aquele cabeço para Bragança, onde vivia o Conde de Ariães. Já lá não h ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3213
A lenda do Poço Negro

SILVA, José Luciano de Figueiredo, Sever do Vouga, n/a, Câmara Municipal de Sever do Vouga, , 10
Sever Do Vouga (SEVER DO VOUGA) AVEIRO

É o caso de um moço cristão que se apaixonou por uma jovem moura de nome Artemigia, que também correspondia aos seus amores. Esse moço, diz a ...

[Unsure / Uncommitted] [Citação]

APL 366
A mal degolada

S/A, ., Ecos do Passado, Ponte de Lima, NAP / PIPSE, 1992 , 14
Bertiandos (PONTE DE LIMA) VIANA DO CASTELO

Em tempos muito antigos viveram nas margens do rio Lima, perto da vila de Ponte de Lima algumas famílias de mouros. Eles teimavam em lá continuar.
 Uma jovem moura ...

[Unsure / Uncommitted] [Citação]

APL 71
A mal-degolada

BERTIANDOS, Conde de, Lendas, Ponte de Lima, Hospital Conde de Bertiandos, 1993 [1898] , 105-112
- (PONTE DE LIMA) VIANA DO CASTELO

O Carro era de prata e d’aquelles em que se pintam as deusas da velha Grecia.
 Puxavam-no seis cavallos brancos despidos de jaezes. Semilhavam cordões de seda as ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3619
A maldição da serra dos Passos

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 274-275
- (MIRANDELA) BRAGANÇA

Conta-se que nos tempos em que os cristãos andavam em guerra com os mouros, estas terras eram governadas por um rei cristão que tinha uma filha. Acontece que ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3186
[A moira de Alfeizerão]

S/A, ., Algumas Lendas da Região de Alcobaça (Dossier de Informação Turística), Alcobaça, Câmara Municipal de Alcobaça, 2000 , 3
Alfeizerão (ALCOBAÇA) LEIRIA

Segundo outra versão, Zaira, a donzela moura, apaixona-se por certo cavaleiro cristão e, por ele captada, recebera-o, alta noite, sem a mínima desconfiança. O indigno sedutor ...

[Unsure / Uncommitted] [Citação]

APL 2393
Amor impossível

AA. VV., -, Arquivo do CEAO (Recolhas Inéditas), Faro, n/a,
- (OLHÃO) FARO

Dizem que aparece ali na ribeira de Bela Mandil, não sei se é na Semana Santa se é na altura da espiga, um casal, um rapaz e uma rapariga. Dizem que ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3686
A noiva encantada

PARAFITA, Alexandre, A Mitologia dos Mouros: Lendas, Mitos, Serpentes, Tesouros, Vila Nova de Gaia, Gailivro, 2006 , 319
Provesende (SABROSA) VILA REAL

Conta a lenda que um rei mouro tinha uma filha, que estava destinada a casar-se com um outro rei que vivia nas terras de Além-Douro. Ela, contudo, alheia às ...

[Unsure / Uncommitted] [Transcrição Oral]

APL 3202
[A Sereia de Peniche]

CALADO, Mariano, Peniche na História e na Lenda, Peniche, Edição do Autor, 1991 , 416-417
- (PENICHE) LEIRIA

Um dia, nas águas sossegadas da praia do Carreiro do Cabo, entretinha-se a mulher de um pescador a dar banho a uma sua filhinha de tenra idade.
    As ondas vinham ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 678
A Torre dos Namorados

DIAS, Jaime Lopes, Contos e Lendas da Beira, Coimbra, Alma Azul, 2002 , 115-117
- (COVILHÃ) CASTELO BRANCO

Escondidos em lugar de difícil acesso, existem na Serra das Casinhas, ignorados das próprias populações da Beira Baixa, restos de uma povoação que de longe se ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 1404
Enterrado vivo

FURTADO-BRUM, Ângela, Açores: Lendas e outras histórias, Ponta Delgada, Ribeiro & Caravana editores, 1999 , 250-251
Horta (Matriz) (HORTA) ILHA DO FAIAL (AÇORES)

Decorria o ano de mil oitocentos e quinze e Amélia, filha da aristocrática família Quadros, era por essa altura uma linda rapariga de pele ligeiramente morena, olhos ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3013
Lenda da Bela Lusitana

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume V, pp. 123-127
- (SEIA) GUARDA

Foi nos montes Hermínios que a Bela Lusitana perpetuou o seu amor numa lenda que ainda hoje se recorda. Chamava-se a jovem camponesa Fórcia, um nome estranho que ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 2824
Lenda da Bela Salúquia

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume III, pp. 115-120
- (MOURA) BEJA

Pois no velho Alentejo dos tempos da moirama, segundo nos conta a tradição, vivia uma formosíssima moura chamada Salúquia, filha do grande e poderoso Abu-Assan, governador de ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 2706
Lenda da Bezelga

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume I, pp. 119-124
- (TOMAR) SANTARÉM

Era uma noite de luar. Noite de poesia. Noite de Primavera. Tínhamos parado ali, em caravana alegre e ruidosa. Regressávamos de uma linda festa de jogos florais na ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3033
Lenda da Cabana do Remorso

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume V, pp. 259-264
Longroiva (MÊDA) GUARDA

Esta lenda conta-se no concelho de Meda e situam a sua origem numa povoação que é freguesia desse concelho e se chama Longroiva. Diz-se que tudo se passou há muitos ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 489
Lenda da cabeça da velha

VIANA, António Manuel Couto, Lendas do Vale do Lima, Ponte de Lima, Valima, Associação de Municípios do Vale do Lima, 2002 , 29-31
- (VIANA DO CASTELO) VIANA DO CASTELO

 Era uma vez uma jovem chamada Leonor, de rara beleza e dona de fartos haveres.
 Órfã de pais, vivia com um tio, D. Bernardo, num pequeno lugar situado na Serra ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 2900
Lenda da Casa do Bom Pastor

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume IV, pp. 369-372
- (LISBOA) LISBOA

Corria o ano de 1610 e reinava em Portugal D. Filipe II (terceiro de Espanha). E se em Espanha havia certa confusão na corte em virtude dos altos cargos ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 2853
Lenda da Cova Encantada

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume III, pp. 371-375
Sintra (São Pedro De Penaferrim) (SINTRA) LISBOA

Na serra de Sintra, perto do Castelo dos Mouros, dominando o belo panorama, existe um rochedo que se ergue altivo, como a lembrar ao mundo a sua permanência atrav ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 3041
Lenda da Cristã Enamorada

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume V, pp. 323-328
Vieira Do Minho (VIEIRA DO MINHO) BRAGA

A gente da Vieira do Minho tem sempre lendas para contar. Embora a tradição tenda a morrer lentamente na boca da gente nova destes tempos, os antigos, que sempre ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]

APL 2825
Lenda da Dona Branca

MARQUES, Gentil, Lendas de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997 [1962] , Volume III, pp. 125-130
Silves (SILVES) FARO

Reinava então em Silves, a velha Chelb de outrora o valente rei mouro Ben-Afan, famoso pela sua inteligência e pela sua coragem.
Diz a lenda que em certa ...

[Unsure / Uncommitted] [Registo escrito Lúdico]


Results 1 thru 25
Page 1 of 4       1 | 2 | 3 | 4 >